A FAMÍLIA E A SUSTENTABILIDADE


Como homenagem ao Ex-governador de Pernambuco publicamos o texto da Jornalista Professora Genilse Gonçalves que foi publicado no Jornal Grande Recife edição de agosto de 2014.

Em tempos em que os laços  os fraternos parecem terem caído demoda, os referencias éticos e morais viraram tabus e pré-conceitos, vimos porém um ótimo exemplo de que a família continua sendo essencial para a formação do ser humano e que não é uma instituição falida ao contrário mostra que a solidez da família é a base para a sustentabilidade dos filhos e, por conseguinte de toda a sociedade assim como enfatizou Aristóteles em seu livro A Política “A cidade é a junção de pequenas famílias que formam um povoado e a junção de vários povoados formam, finalmente, a cidade, nesse sentido a família é a primeira célula da cidade e a mais importante. No entendimento de Aristóteles, o todo prevalece sobre as partes, assim como a cidade prevalece sobre as famílias e povoados, porém não a cidade sem famílias.” ARISTÓTELES, 1985. Aristóteles manifestava uma grande preocupação com a integridade da família e de sua importância para a atividade política, sendo que quando há família ética e moralmente fortes haveria também políticos fortes ética e moralmente.

o-EDUARDO-CAMPOS-facebook

Nos últimos dias todos nós fomos pegos de surpresa com a morte do ex- governador de Pernambuco Eduardo Campos, quero, entretanto enfatizar o aspecto familiar que Campos deixa como exemplo, um homem dedicado a política, mas sendo um pai presente, que ao saber que seu quinto filho é portador da Síndrome de Dow não foi seduzido pelos conceitos modernos do aborto, assistimos a dor de sua Esposa Renata e de cada um de seus filhos que permaneceram ao lado da mãe todo o tempo sendo sustentados e sustentando a mãe.

Eduardo ao longo de sua vida procurou ser um político exemplar e honesto mais para além de político mostrou ser um filho, um irmão, um marido e um pai honesto e que servisse de exemplo para sua família que é seu maior legado. Imagino como tenha sido difícil para um homem jovem,bonito e assediado como Eduardo Campos não ser seduzido pelos novos conceitos que rondam as famílias, contudo o conceito de homem honesto de pai de família e de exemplo prevalece em sua trajetória de vida.

Eduardo e sua família assim como muitas outras são o exemplo de que Aristóteles estava certo a Família é a base fundamental de sociedade e sem ela não há pessoas, não há políticos e conseguinte não há cidades e nem estados saudáveis.Então que não tenhamos medo de ser família de ser honestos de sermos bons e politicamente corretos.

Essa ideia de pessoa boa, honesta preocupada com a formação familiar e com isso formar filhos saudáveis para uma sociedade doente que carece  cada vez mais de exemplos de pessoas, são essas pessoas que o Movimento Patrulheiro pretende formar com os ensinamentos de Baden Powel, são essas pessoas que queremos oferecer a sociedade para ela seja uma sociedade que possa proteger homens,mulheres, crianças, moços e velhos. 

Gostou deste post, então da um like e comenta. Vlw :)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s